newsletter

Quer receber mais dicas para fazer seu PetShop crescer em momentos de crise?

Preencha os dados abaixo para receber nossos últimos artigos em seu E-mail

Leonardo Lima Mencarelli

Escrito por Leonardo Lima Mencarelli em 03 de março de 2020

Pet Shop próprio ou Franquia: saiba qual é o melhor

Ser um empreendedor exige muito esforço, dedicação e talvez o principal seja os estudos. Eles podem te ajudar a escolher se é melhor abrir um pet shop próprio ou franquia, então é muito importante conhecer os produtos, saber quais são as diferenças de cada um e, evidentemente, os benefícios deles.

Para entrar em um novo mercado é necessário entender como montar um pet shop de sucesso, mas antes de montá-lo é preciso entender qual o melhor modelo de negócio para seu perfil, isto é, um empreendedor que trabalha com o que gosta, ou investe no campo que conhece, tem mais chances de dar certo.

Afinal, ele deve dedicar toda sua energia e no novo negócio. E entender se deve começar por um pet shop próprio ou franquia. Depois é preciso pensar no:

  • marketing;
  • cultura da empresa;
  • compra coletiva, no caso dos franqueados;
  • lucro e custo/benefício;
  • riscos, tanto do pet shop próprio quanto da franquia;
  • inovações;
  • valores e risco de investimento.

Estes pontos precisam ser analisados de forma cautelosa e categórica pelo empreendedor, além de conferir se as possibilidades para tal investimento são hábeis dentro de seu orçamento.

Por isso, preparamos este artigo para te ajudar confira:

Pet Shop próprio ou Franquia: saiba qual é o melhor

4 franquias de pet shop para começar

Pet Shop próprio ou franquia? Eis a questão. Vamos ver como se começa com franquias: há franquias que são ótimas opções para se iniciar um empreendimento, algumas com investimento baixo, veja:

 

  1. VitalPet: uma ótima opção, além de ser inovadora, visto que ela é uma rede especializada em plano de saúde para animais de estimação. Com um investimento inicial entre 30 mil reais até 40 mil reais, com um prazo de retorno entre 1 ano ou 2 anos;
  2. Cão Cidadão: outra franquia que oferece um produto diferente, com um atendimento a domicílio que oferece o adestramento, além de consultas comportamentais, porém é necessário um conhecimento em adestramento de animais. O investimento é de 20 mil reais e o prazo de retorno é entre 6 e 9 meses;
  3. Pet Land: um grande investimento, que pode chegar até 450 mil reais, porém oferece toda a comodidade para seus clientes, como um centro de estética para pets. O prazo de retorno é entre 2 a 3 anos;
  4. Alvorada Pet: uma marca que está no mercado de pet shop há mais de 20 anos, com franquias pelo Brasil todo, seu investimento inicial é a partir de 100 mil reais, com um retorno estimado em 1 ano e meio.

 

Para que você possa se tornar um empreendedor de sucesso, há cursos de formação que vão te ajudar muito a entrar no mundo dos negócios. Servindo tanto para pet shop próprio como para franquia. Veja:

Cursos para quem quer ser um empreendedor

Há diversos tipos de cursos que podem te ajudar na empreitada para escolher montar um pet shop próprio ou franquia. Uma plataforma excelente para cursar e aprender desde o princípio do empreendedorismo até uma fase avançada é o da Associação Brasileira de Franchising (ABF).

Existe um curso que te introduz ao mundo de franquias na ABF, ele se chama On the Go, desta forma você pode entender detalhadamente as etapas que a franquia passa e como gerenciá-la da melhor maneira.

Além disso, há o SEBRAE, um canal do governo que ensina e motiva o empreendimento, pode ajudar muito quem busca ter um pet shop próprio ou franquia. O curso de Iniciando um pequeno e Grande Negócio é uma ótima forma de começar essa empreitada.

Vale a menção honrosa para o curso da University of California - Irvine, que é o Fundamentos do Empreendedorismo: ideias e ação, é em inglês, porém um curso excelente para quem busca conhecer profundamente as diferenças do empreendedorismo.

Agora vamos as vantagens e desvantagens de se ter um próprio negócio, depois falaremos o mesmo da franquia, antes que ache que estamos puxando sardinha para uma franquia.

Vantagens e desvantagens do próprio negócio

O espírito empreendedor é instigado nas pessoas baseado nas necessidades que ela tem na vida, afinal, quem busca empreender está atrás de conhecimento, sonhos, objetivos e obviamente, qualidade de vida. Então é importante ter planejamento e segurança no momento de investir.

Para ter a segurança quando for investir em um pet shop próprio ou franquia, por exemplo, é necessário saber quais as vantagens e desvantagens de cada um. A seguir separamos as vantagens em se ter um pet shop próprio:

 

  1. trabalhar naquilo que gosta: isto é algo que mexe muito com o psicológico do empreendedor, pois a sua carreira ficará muito atrelada a vida pessoal, trabalhar com o que gosta, acaba por se ter muito prazer em fazer aquilo, mostrando a gana na hora de atender os seus clientes;
  2. crescimento e lucro: o salto que você pode ter ao abrir um pet shop próprio é desafiador. Portanto, quando o lucro chegar você terá autonomia para gerenciá-lo e decidir como investir em seu negócio de novo ;
  3. autonomia: decidir as coisas e ser o seu próprio chefe traz alguns benefícios que podem ser muito interessantes para quem busca esse tipo flexibilidade;
  4. decisões: os passos a serem tomados serão decididos pelo empreendedor do negócio, ou seja, você é quem decidirá sobre como funciona todo o organismo da empresa, gerenciando do jeito que você pensa que vai dar certo.
  5. local de trabalho: onde você vai trabalhar, será você quem vai decidir, portanto não é necessário fixar seu trabalho em um só lugar, ou engessar alguns processos para que você possa continuar exercendo a profissão de empreendedor, a autonomia é sua.

 

Porém, como nem tudo que reluz é ouro, há desvantagens em se trabalhar com um pet shop próprio e ser chefe de si mesmo, então saiba quais são elas:

 

  1. valores: investir o dinheiro em um empreendimento pode ser algo lucrativo se pensar e médio e longo prazo, porém e o curto prazo? Bom lhe resta é trabalhar muito para que o seu empreendimento dê certo, é muito provável que você tenha pouco dinheiro por um bom tempo;
  2. responsabilidade: como já diria o Tio Ben, do Homem-Aranha, “grandes poderes, vem grandes responsabilidades”, neste caso são grandes investimentos e uma responsabilidade maior ainda sobre os custos, serviços e tudo o que um empreendimento exige de seu orçamento;
  3. burocracia: bem, se não falarmos de burocracia ao se ter o próprio negócio no Brasil, não seria normal, não é mesmo? Segundo o Banco Mundial, que concluiu em testes de 2014, demora cerca de 107 dias para se abrir uma empresa no Brasil;
  4. decisões: por mais que ter autonomia e ser seu próprio chefe seja bom, o peso de tomar todas as decisões na gerência de uma empresa é um grande dever e às vezes penoso.

 

São 4 desvantagens que você que deseja seu negócio próprio precisa enfrentar, por isso é importante pesar na balança.

Para te ajudar a saber qual é a melhor opção, nós vamos separar a seguir, as vantagens e desvantagens de ter uma franquia de pet shop, afinal, quando se está indeciso entre um pet shop próprio ou franquia, toda ajuda é bem-vinda, concorda? Veja abaixo as vantagens.

Vantagens e desvantagens de uma franquia de pet shop

Para quem não tem muita experiência com comércio, marketing e nem em organização de um empreendimento, adotar o modelo de franquia pode ser a melhor opção para iniciar as suas aventuras no mundo dos negócios.

Escolher o modelo franqueado para um pet shop pode trazer alguns benefícios excelentes para os mais novos ou para quem busca um modelo de negócio que já tem uma afirmação no mercado.

Confira abaixo quais são as vantagens desse tipo de empreendimento:

 

  1. portfólio: ao adquirir uma franquia de pet shop para seu empreendimento, você terá uma gama de produtos bem estabelecidos que a franquia vai disponibilizar para a sua unidade;
  2. direção: para quem está iniciando no mundo dos negócios e tentando a carreira de empreendedor, ter um auxílio de pessoas experientes e uma marca que já está estabelecida no mercado é uma chance e tanto. Por isso a franquia, normalmente, oferece ajuda com educação, sistema de gestão, layout do estabelecimento, entre outras coisas;
  3. responsabilidade: a vantagem aqui está entre aspas, afinal, a responsabilidade por fazer dar certo a unidade da franquia é toda sua, porém você recebe muito suporte para começar o seu faturamento, de certa forma, a sua responsabilidade é menor se comparar um pet shop próprio;
  4. faturamento e custos: por já ter algo personalizado e com um portfólio/catálogo definidos, a precisão na hora de investir é mais fácil do que começar do zero uma marca, por conta disso o faturamento pode se iniciar mais depressa.

 

Estes 4 benefícios vão guiar você no início de um negócio franqueado que pode ser promissor no início e facilitar sua possível primeira experiência no ramo.

Porém como o mundo não é cor-de-rosa, há desvantagens que devem ser calculadas ao optar por abrir um pet shop franqueado, veja quais são:

 

  1. baixa autonomia: para não dizer que não há nenhuma autonomia, a possibilidade de alterações no produto ou nas estratégias são muito poucas, o que torna o seu negócio bem “engessado”;
  2. contrato: existe um contrato que é acordado junto a franquia onde o empreendedor precisa seguir todos os termos que existem para continuar com a marca;
  3. taxas e condições: as franquias recebem parte de seus lucros em certa data que pode ser mensal, trimestral ou anual, a depender do tipo de acordo, de qualquer forma as taxas e parte do seu lucro são direcionadas à franquia.

 

Há vantagens e desvantagens no modelo de pet shop próprio ou franquia, como em qualquer outro negócio, o importante é adotar o estilo que mais se encaixa no seu perfil, além de ter o orçamento ideal para cada uma das opções.

O orçamento pode despertar algumas alterações, preocupações e como um empreendedor iniciante, será necessário muito planejamento e uma visão com pés no chão para o futuro.

O que seria essa visão com os pés no chão? É você fazer um planejamento que tenha uma prévia de prejuízo, um faturamento que esteja de acordo com as expectativas, sem exageros nas perspectivas, afinal, ter noção da realidade é o passo mais inteligente na hora de planejar o seu empreendimento.

Pet Shop próprio ou Franquia: saiba qual é o melhor

Qual o perfil mais indicado para pet shop próprio ou franquia?

Para entender melhor este tópico, nós explicaremos qual o perfil mais indicado de um empreendedor para pet shop próprio ou franquia. Assim, você poderá conferir se estes perfis coincidem com o seu. Essa é mais uma oportunidade para você colocar os pontos na balança.

Então, vamos entender o que um perfil de empreendedor precisa ter para ter sucesso, confira:

Perfil de empreendedor

O principal ponto de um empreendedor é ter muita dedicação e confiança em seu negócio, afinal, se ficar inseguro a chance de tomar decisões erradas e desistir é maior. Junto com confiança há ainda outros pontos que são vitais no perfil de um empreendedor de sucesso, confira:

 

  1. criatividade: aceitar novos desafios como o de inovar em sua área é fundamental para ser um empreendedor, seja de um pet shop próprio ou franquia;
  2. formação contínua: criar uma mania de buscar informações e outros meios para se inteirar sobre os novos produtos que você pode inserir em sua loja, ou outras coisas sobre ramo de pet shop é fundamental;
  3. organização: esse é um dos principais pontos no perfil de um empreendedor de sucesso, afinal, ser organizado com as finanças, com o layout de sua loja ou para organizar as atividades com seus colaboradores faz toda diferença;
  4. analista: todo empreendedor que preze pela qualidade de seus produtos, serviços e atitudes para qualidade no atendimento precisa ser um bom analista;
  5. perseverança: por último, mas não menos importante, está a perseverança na hora de acreditar em seu negócio e motivar seus colaboradores e a si mesmo nos momentos complicados. Saber que a desistência não é uma opção é coisa de empreendedor de sucesso.

Perfil para montar uma franquia

Montar uma franquia é um bom começo para quem não tem experiência comercial, porque a marca já está pronta e foi testada no mercado, assim você terá que trabalhar com requisitos gerenciais e não de validação de produto e marca.

Mas ter conhecimentos em marketing é um diferencial para saber quais são as marcas de franquia que estão se destacando no ramo que você deseja entrar, como o de pet shop.

As franquias tendem a queimar algumas etapas, tendo em vista que elas já oferecem o layout da loja, o plano de carreira, plano de marketing e muitas vezes as até indicam o melhor local para estabelecer seu pet shop franqueado.

Sendo assim, o perfil de um franqueado deve ser focado em gerenciamento de equipe e na parceria com o dono da marca, atendendo os requisitos da marca escolhida. Ou seja, tem que ser um bom parceiro.

Já o perfil de quem deseja montar o pet shop próprio tem mais liberdade quando ao marketing, identidade da marca, cultura da empresa, etc, veja:

Perfil para montar um pet shop próprio

A perseverança e a persistência são as duas maiores virtudes de um empreendedor principalmente se ele for montar um negócio do zero, como um pet shop próprio.

Muitas pessoas pensam na concorrência, ok, isso é aceitável, mas o melhor mesmo é focar nos seus resultados, buscar novidades, tecnologia e informação para alavancar. E para isso não é preciso iniciar uma guerra com o vizinho. Às vezes, gastar energia com a concorrência não é inteligente.

Por isso, inove, acredite e trabalhe muito para oferecer as melhores opções para o seu público-alvo. Ter um perfil ideal para montar um pet shop próprio exige certa experiência para mostrar aos clientes que você entende do assunto. Porque diferente da franquia você ainda não tem uma marca conhecida e já frequentada pelo consumidor. Você precisa conquistar a confiança dele.

A vantagem é que se você tem um perfil inovador terá mais liberdade para gerenciar o seu negócio e colocar as coisas do seu jeito, diferente da franquia onde teria que seguir um padrão.

Assim você já pode pesar os prós e contras de montar um pet shop próprio ou franquia.

Conclusão

Entender as diferenças de pet shop próprio ou franquia é a base para quem está planejando empreender, além de ter que buscar conhecimento em diversas áreas e se especializar de todas as maneiras para mostrar que você tem autoridade no assunto.

Outra maneira de empreender é ser hóspede de alguma grande marca de e-commerce, saber vender produtos na Amazon, por exemplo, pode ajudar a alavancar os negócios de sua empresa.

Pet Shop próprio ou Franquia: saiba qual é o melhor

Então, aproveite nossas dicas para fazer a escolha correta para iniciar essa jornada: siga em frente!