newsletter

Quer receber mais dicas para fazer seu PetShop crescer em momentos de crise?

Preencha os dados abaixo para receber nossos últimos artigos em seu E-mail

Maykon M. Martins

Escrito por Maykon M. Martins em 28 de maio de 2019

Hotel para cachorro: como funciona e quando usar

Que tal passar as férias numa ilha ensolarada, regado a água de coco, tão desejada a muitos meses? Seria muito bom, não é? Mas quem vai ficar com o seu cachorro? Infelizmente, você, assim como muita gente, pode não ter com quem deixar o seu cachorro.

E, não é só nas férias, pode ser em momentos mais comuns, como trabalho, igreja, uma balada, estudo, enfim são muitas as atividades que talvez não dê para levar o seu cão.

Por isso, falaremos sobre o hotel para cachorro que poderá te ajudar com essa dificuldade momentânea. Há alguns anos, esse serviço surgiu e vem alcançando o respeito de muitos donos de pets. Pela praticidade e a segurança que oferecem.

Agora, você poderá viajar para onde quiser, nas férias ou a trabalho, sabendo que seu cão terá toda assistência para que você saía sem preocupações.


O que é hotel para cachorro

O nome já entrega tudo, hotel para cachorro é um negócio que oferece como serviço principal a hospedagem aos cãezinhos que estão precisando ficar em algum lugar enquanto seus donos precisam fazer alguma atividade que eles não podem acompanhar.

E, assim como no de “humanos”, o hotel de cachorro também oferece outros serviços, além da noite de sono, como banho e tosa, personal trainer, banho de sol e outros.

O hotel para cachorro faz com que a saudade que o animal sente do seu dono não seja tão ruim e, da mesma forma, tranquiliza o dono do pet, oferecendo bons cuidados. Afinal, quem deixaria seu animalzinho nas mãos de qualquer um?

Hotel para cães: serviços

 Veja o que o hotel para cães oferece:

  • suítes privadas: nada de dormir com outros cachorros desconhecidos, dependendo do lugar o pet tem um espaço só dele;
  • programas de animais na TV: você gosta de assistir TV, certo? Bom, com o cão não é diferente, eles curtem uma distração;
  • espaço de playground: sabemos o quanto é importante brincar, os cachorros adoram uma bagunça, isso fará com que a interação do animal aumente;
  • passeio: sair um pouco para marcar o pedaço, cachorros adoram isso;
  • alimentação: não pode faltar comida, os hotéis costumam oferecer boa comida, provavelmente o terão os petiscos finos da John’s Farms por lá.

Como funciona o hotel para cachorro


O funcionamento do hotel para cachorro é bem simples: você faz uma reserva no local desejado, com os dias desejados e seleciona os serviços que o cão deverá receber. Pronto!

Leve seu cão no dia combinado e busque-o na data certa. Mas não pense que o hotel só acolhe pets por uma longa duração, alguns deles oferecem estadia por algumas horas, então se só precisa de um tempinho para ir ao cinema, terá uma boa ajuda.

Hotel para pet: preço e apps


Você pode estar pensando: “isso não deve ser nada barato.” 

O preço do hotel para cachorro vai depender dos serviços que você contratar, mas é possível economizar. Por exemplo, em vez de você levar seu amiguinho para um hotel de luxo, você pode usar um app e deixá-lo com alguém.

Por exemplo, o app DogHero é pioneiro na área. Ele funciona como uma espécie de Uber para hospedar e passear com os cães. O melhor de tudo é que ele tem representantes em todos país.

Sendo assim tem hotel para cachorro em SP, em BH, no RJ e em qualquer outro estado do Brasil.

Amizades no hotel para cachorro

O hotel para cachorro oferece muito mais que uma estadia ou um passeio para o seu pet. Se pensarmos bem, ele vai a um local cheio de outros cães e isso é uma possibilidade de socialização para ele. Isso é muito legal.

Quem não gosta de fazer amigos? Certamente você perceberá alguma mudança positiva no comportamento do seu cão.

Como faço para montar um hotel para cachorro?


Agora que você já sabe um pouco sobre como funciona um hotel para cachorro, se por acaso não tiver um próximo da sua cidade, você mesmo poderá criar uma oportunidade de negócio na sua cidade.

E eu já aviso: é um investimento bem interessante. Olha só isto: segundo o IBGE, 44,3% das casas no Brasil têm, pelo menos, um cachorro. Ou seja, um público de mais ou menos 52 milhões de cachorros.

Já é possível ver que clientes não faltam, o país é o terceiro no mundo em mercado de pets. Isso é uma posição econômica muito animadora, porque na divisão desse mercado de serviços, o de hotel é o segundo em faturamento.

Os dados apresentados foram compilados pela SEBRAE, se quiser saber mais confira o e-book Como montar um hotel para animais domésticos. Nele é dado o passo a passo burocrático para quem deseja seguir com o propósito de abrir um hotel para cachorro.

Então é isso, o que você achou do nosso artigo? Deixe seu comentário abaixo.